Porsche Club Brasil encerra temporada 2015 com decisão de título e exposição de carros especiais

18° Porsche Racing Festival, realizado no autódromo Velo Città, em Mogi Guaçu (SP), teve mais de 80 pilotos inscritos e apresentação de seis modelos 911 RS de diversas épocas.





A temporada 2015 do Porsche Club Brasil cegou ao final com o 18° Porsche Racing Festival, realizado nos dias 4 e 5 de dezembro no autódromo Velo Città, em Mogi Guaçu (SP). Mais de 80 pilotos estavam inscritos para as provas de Regularidade e Flying Lap, que decidiram os títulos da Porsche Club Cup e da Porsche Team Club Cup. Os convidados puderam também apreciar uma exposição especial de seis modelos 911 RS de várias épocas, comemorativa da apresentação do novo Porsche 911 GT3 RS no Brasil.

Durante dois dias, os participantes puderam aproveitar a potência e esportividade de seus carros em ambiente seguro e apropriado, com orientação de pilotos profissionais (Maurizio Sala, Marcelo Maiolli e Beto Gresse) e infra-estrutura similar à de uma prova oficial de automobilismo, incluindo cronometragem, sinalização de pista e resgate médico. Estiveram na pista modelos 911, Boxster e Cayman, que participaram de sessões de treinos livres e das provas de Regularidade (na qual o competidor deve manter uma média horária pré-estabelecida) e Flying Lap (na qual o resultado é definido pela volta mais rápida de cada piloto após três tentativas).

A Stuttgart Veículos apresentou o novo Porsche 911 GT3 RS, versão esportiva que pode ser considerada a mais próxima de um carro de corrida em toda a atual linha 911. Equipado com motor de 4 litros com 500 HP de potência, o 911 GT3 RS tem produção limitada - somente cinco foram vendidos no Brasil. Além do carro atual, modelo 2016, a Stuttgart mostrou um 911 Carrera RS (1973), dois 911 GT3 RS (2004 e 2007), um 911 GT2 RS (2011) e um 911 GT3 RS 4.0 (2012), todos produzidos em série limitada. Do Carrera RS, vieram para o Brasil 15 unidades; dos demais, nenhum teve mais que cinco unidades importadas oficialmente para o Brasil em suas respectivas épocas - no caso do 911 GT3 4.0, somente dois vieram para o País.

Os resultados da Regularidade e da Flying Lap decidiram os títulos da Porsche Club Cup (individual para cada participante) e da Porsche Team Club Cup (equipes formadas pelos próprios participantes, em número máximo de quatro). A campeã foi a Speedster, que obteve seis vitórias durante a temporada e deixou para trás a ART Racing Team e a Martini Motors.


Os eventos do Porsche Club Brasil têm patrocínio da Stuttgart Veículos, Pirelli, AD Seguros, Chubb Seguros, Banco Safra, BSS Blindagens e Cisa Trading.

Comentários

Postagens mais visitadas